Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Mais sobre mim

foto do autor


calendário

Janeiro 2011

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031

Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2009
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2008
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2007
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Pesquisar

 


Idoso burlado em 7500 euros no Sabugal

Quarta-feira, 19.01.11

Um homem de 71 anos, residente no Sabugal, foi burlado por dois desconhecidos em 7.500 euros, informou esta quarta-feira a GNR da Guarda, acrescentando que o caso ocorreu ontem à hora de almoço.

O tenente-coronel Cunha Rasteiro, relações públicas do Comando Territorial da GNR da Guarda, disse à agência Lusa que o septuagenário foi abordado  por dois homens junto ao Mercado Municipal do Sabugal, tendo sido enganado pelo "velho método do dinheiro para dividir pelos pobres".

"Inicialmente, o idoso foi abordado por um indivíduo que lhe disse que  um familiar estava à beira da morte e que tinha uma determinada quantia em dinheiro para doar aos pobres. Depois, apareceu um segundo sujeito e sugeriu que o dinheiro fosse dividido entre os três, mas o idoso também teria de contribuir com algum", explicou.

Cunha Rasteiro acrescentou que o homem, após ter aceite colaborar com os desconhecidos, dirigiu-se a uma dependência bancária daquela cidade para  levantar sete mil euros, "mas a funcionária disse-lhe que não tinha aquela  quantia disponível e deu-lhe apenas 500 euros".

"Então, os dois indivíduos transportaram-no até à Guarda, onde o idoso  levantou mais sete mil euros que lhes entregou de imediato", referiu. Os burlões pediram ao idoso "para ir aos correios comprar uma folha de papel azul" e quando o homem "regressou para junto deles, já não os viu no local onde os deixara", tendo regressado ao Sabugal onde apresentou queixa no posto local da GNR.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)




Comentários recentes





subscrever feeds