Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



GNR aconselha idosos


Mais sobre mim

foto do autor


calendário

Dezembro 2010

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031

Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2009
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2008
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2007
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Pesquisar

 



Aberto IP2 entre Guarda e Trancoso

Quarta-feira, 22.12.10

O troço do IP2, com perfil de autoestrada, entre Ratoeira/Aldeia Rica  (Celorico da Beira) e Chafariz do Vento (Trancoso), com 29 quilómetros de  extensão, foi aberto ao trânsito na segunda-feira.

Estava prevista a realização de uma cerimónia inaugural, com a presença  do primeiro-ministro José Sócrates mas devido a um acidente com um tractor  agrícola, ocorrido na sexta-feira em Cótimos, (concelho de Trancoso), que  vitimou duas mulheres, a cerimónia ficou sem efeito, explicou o governador  civil da Guarda.

Santinho Pacheco disse que "o Governo decidiu manter a abertura da auto-estrada  para Trancoso mas a inauguração oficial será feita em data oportuna, com  a presença do senhor primeiro-ministro ou do ministro das Obras Públicas".

Esta quarta-feira, em comunicado, o presidente da Câmara Municipal de Trancoso, Júlio  Sarmento (PSD), reafirma a importância da via que encurtou a distância entre aquela cidade e a Guarda, capital de distrito.

O autarca refere que a posterior ligação da via entre Trancoso e Macedo  de Cavaleiros (Bragança) "terá um impacto muito grande no desenvolvimento  económico da região e espera que esse tenha reflexo no tecido económico  de Trancoso de forma assinalável".

O lanço do IP2 entre Celorico da Beira e Trancoso está integrado na  concessão rodoviária do Douro Interior, com uma extensão de 242 quilómetros  e um investimento total de 940 milhões de euros, adjudicada em 25 de Novembro  de 2008 à empresa Aenor - Douro Interior, atual Ascendi Douro - Estradas  do Douro Interior.

A obra também inclui a concepção, construção e exploração dos lanços  do IP2 entre Trancoso e Valebenfeito (Bragança) e do IC (Itinerário Complementar)  5 entre Pópulo (IP4) e Miranda do Douro.

CM

Autoria e outros dados (tags, etc)



Visitantes, de onde?

Locations of visitors to this page

Visitantes

hit counters
hit counter


Comentários recentes