Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



GNR aconselha idosos


Mais sobre mim

foto do autor


calendário

Janeiro 2013

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031

Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2009
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2008
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2007
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Pesquisar

 



Guarda: Bombeiros levaram refeições a idosos isolados pela neve

Quarta-feira, 23.01.13

Os bombeiros da Guarda entregaram hoje 25 refeições a idosos que ficaram isolados pela neve nas suas habitações, disse à agência Lusa fonte da corporação.

Segundo Paulo Sequeira, comandante dos Bombeiros Voluntários da Guarda, a corporação foi hoje solicitada para levar o almoço aos utentes de uma instituição particular de solidariedade social da cidade, que não tem viaturas adequadas para circular na neve.

«Fizemos a distribuição das refeições pelas habitações dos idosos que são apoiados pela instituição em regime domiciliário», disse o responsável.

Os voluntários também têm realizado ações de apoio à população com transporte de pessoas para centros de saúde e auxiliaram alguns condutores que ficaram com os seus veículos retidos na neve.

Para responder às diversas solicitações originadas pelo mau tempo, a corporação mantém «15 homens em permanência no quartel», indicou o comandante.

Diário Digital

Autoria e outros dados (tags, etc)

Jovens da Guarda construíram iglô na Praça Velha frente à Sé

Quarta-feira, 23.01.13

Um grupo de jovens aproveitou a abundância de neve na Guarda para construir um iglô - abrigo típico das zonas de frio extremo -, no principal largo da cidade.

O projeto está a atrair gente ao local, que quer ver de perto a obra que foi concluída na madrugada desta quarta-feira.

"Começámos quatro a fazê-lo, eu e mais três amigos, e a sua construção envolveu cerca de 25 pessoas. As pessoas, à medida que passavam e se apercebiam do que estávamos a fazer, foram querendo ajudar e nós aceitámos", contou Daniel Andrade, criativo no ‘Trinta e Três Atelier’ da Guarda, à agência Lusa.

O jovem indicou que a ideia de fazer aquela construção invulgar foi sua e do colega de ateliê André Faustino.

A estrutura feita de neve e gelo, que ainda se mantém no largo da Sé Catedral - a sala de visitas da cidade da Guarda - tem cerca de 1,75 metros de altura, 2,20 metros de diâmetro e capacidade para seis pessoas sentadas.

Começou a ser construído pelas 22h30 de terça-feira e foi terminado pelas 05h00 de quarta-feira.

Daniel Andrade referiu que o grupo executou o iglô "um bocado" por aquilo que conhecia de imagens, não tendo utilizado nenhuma técnica especial.

"Até surgiu um rapaz que não conhecíamos que nos deu uma dica ou outra para criar a inclinação do iglu", indicou.

Referiu que alguns dos habitantes que viram a obra "já dizem que poderia tornar-se tradição e, futuramente, em vez do iglô, fazer outra coisa qualquer, para aproveitamento da neve".

O iglô que começou por ser uma brincadeira de quatro amigos tem atraído, ao longo desta quarta-feira, "muita gente até à Praça Velha", segundo Elsa Fernandes, vereadora da Câmara da Guarda responsável pelo pelouro do turismo.

"É um projeto interessantíssimo, está bem conseguido e bem trabalhado. Os jovens que ali investiram algumas horas da noite foram felizes e criativos", reconheceu a autarca.

Correio da Manhã

Autoria e outros dados (tags, etc)

Forte nevão na Guarda condiciona o trânsito

Terça-feira, 22.01.13

 

Uma intensa queda de neve originou hoje uma situação "caótica" nas estradas da Guarda, disse à agência Lusa o coordenador do Serviço Municipal de Proteção Civil.

 

Segundo Eduardo Matas, a partir das 18:30 "trovejou e nevou abundantemente".

O responsável referiu, cerca das 19:30, que "há ruas cortadas ao trânsito e viaturas atravessadas" e que se instalou "o caos em termos de circulação rodoviária".

Tendo em consideração o forte nevão, quarta-feira continuarão a existir condicionamentos no trânsito da cidade da Guarda bem como no funcionamento de escolas.

Notícias SAPO

Autoria e outros dados (tags, etc)



Visitantes, de onde?

Locations of visitors to this page

Visitantes

hit counters
hit counter



Comentários recentes





subscrever feeds