Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



GNR aconselha idosos


Mais sobre mim

foto do autor


calendário

Janeiro 2011

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031

Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2009
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2008
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2007
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Pesquisar

 



TMG inaugura exposição este sábado

Sexta-feira, 14.01.11

Neste sábado à tarde, o Teatro Municipal da Guarda inaugura na Galeria de Arte a exposição “Trancoso, 17 de Março de 1953” da autoria do artista plástico Albuquerque Mendes.

Natural de Trancoso, este artista reside actualmente em Leça da Palmeira e tem protagonizado uma das mais activas e intensas presenças na cena artística portuguesa. O artista estará na inauguração que se realizará às 18 horas.

“Trancoso, 17 de Março de 1953” de Albuquerque Mendes ficará patente até 13 de Março. A exposição tem entrada livre e pode ser visitada de terça a domingo na Galeria de Arte do TMG.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Carminho dá concerto sábado no Teatro da Guarda

Sexta-feira, 14.01.11

Este sábado, 15 de Janeiro, pelas 21h30, a nova voz revelação da canção nacional, Carminho, sobe ao palco do Grande Auditório do Teatro Municipal da Guarda (TMG), para apresentar “Fado”.

Diz Carminho, sobre este disco de estreia, editado em 2009, que "não podia, e digo-o com humildade, chamar-se outra coisa. Por respeito às minhas raízes, ao fado e a mim própria. E este disco sou eu. O meu passado (fados que sempre cantei), o meu presente (a evolução que o meu fado tem sofrido ao longo dos anos) e o meu futuro (em que irei, ainda mais, deixar-me guiar pela minha sensibilidade)".

No palco da Guarda, Carminho é acompanhada por Luís Guerreiro na guitarra portuguesa, André Ramos na viola e Daniel Pinto no baixo.

Autoria e outros dados (tags, etc)



Visitantes, de onde?

Locations of visitors to this page

Visitantes

hit counters
hit counter



Comentários recentes





subscrever feeds