Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



GNR aconselha idosos


Mais sobre mim

foto do autor


calendário

Setembro 2007

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30

Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2009
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2008
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2007
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Pesquisar

 



Dia Mundial do Turismo é comemorado na Guarda

Quinta-feira, 27.09.07

Hoje comemora-se o Dia Mundial do Turismo.

A autarquia da Guarda associa-se às comemorações e tem agendadas várias iniciativas que se vão realizar durante todo o dia.

Pela manhã é proposta a participação num peddy-paper a realizar no Centro Histórico da cidade.

A comemoração do Dia Mundial do Turismo é também vivido na freguesia dos Meios, onde se encontra instalado o Museu da Tecelagem. Para o efeito, segundo a vereadora Lurdes Saavedra, vai estar disponivel um autocarro que leva as pessoas até ao museu, onde os turistas vão poder fazer uma visita guiada, por técnicos, e onde se poderá assistir à produção ao vivo, de cobertores de papa e mantas.

Durante todo o dia, a Loja Coisas D'aqui vai estar aberta para os visitantes/turistas que queiram degustar os produtos tradicionais da região.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Começou em Seia mega-julgamento com 17 arguidos são acusados de fraude fiscal

Quarta-feira, 26.09.07

Arrancou ontem em Seia um mega-julgamento com 17 arguidos que são acusados de fraude fiscal, falência fraudulenta e frustração de créditos, lesando entre outros, o Estado em quase trezentos mil euros.

Tudo começou quando em 1993 a empresa têxtil J. SAraiva Lda. deixou de entregar o IVA, tendo em 1994 declarado falência e feito desaparecer os bens móveis e imóveis para uma nova sociedade, impedindo os credores de cobrar dívidas que tinham sido geradas e não pagas.

Esta transferência de empresa, permitiu através de um esquema de facturas, liquidar ao Estado algumas centenas de milhares de euros de IVA, na nova empresa, a retenção do IVA não pago pela antiga fábrica e ainda obter á data, benefícios fiscais, com redução de valores a pagar no IRC.

Os valores devidos ao Estado rondam agora os 300 mil euros e são calculados pelos ilícitos praticados durante os anos de 1993 e 94, aos quais se juntam agora juros de mora.

O Ministério Público recebeu em Abril de 2004, o processo das Finanças, que tinha em 1995 aberto uma investigação fiscal, constituindo arguidos 5 empresas e 12 indivíduos. O Procurador da República deduziu a acusação ainda em Outubro do mesmo ano e o Tribunal de Seia emitiu despacho de pronúncia em Novembro.

O julgamento tardou em iniciar-se devido aos inúmeros recursos apresentados, tendo este processo passado pela Relação de Coimbra, pelo Supremo Tribunal de Justiça e pelo Tribunal Constitucional.

A acusação é sustentada em cerca de 170 páginas, e todo o processo regista 23 mil páginas num total de mais de 80 dossiers.

Preside ao Colectivo de Juízes, Ana Carolina Cardoso, que depois de ler a acusação do Ministério Público ouviu os acusados a declararem o silêncio, não se pronunciando assim qualquer arguido perante o Tribunal durante todo o julgamento.

O Tribunal de Seia calcula que até ao final do ano, com cerca de 20 sessões de julgamento agendadas, o processo de fraude fiscal esteja concluído.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Enfermeiros contratados montam tendas frente ao Governo Civil da Guarda

Terça-feira, 25.09.07

Cerca de duas dezenas de enfermeiros estiveram ontem à tarde acampados frente ao edifício do Governo Civil da Guarda.

A manifestação simbólica teve por base a situação precária e indefinida de mais de 70 enfermeiros que em todo o distrito se encontram em situação de contratados.

Passavam poucos minutos das quatro da tarde, quando os enfermeiros a trabalhar no Hospital Sousa Martins começaram a montar as tendas para durante as quatro horas seguintes se manterem em protesto, contra a precariedade laboral.

Só no Hospital da Guarda existem 52 enfermeiros contratados com o futuro indefinido. Em Agosto alguns dos profissionais a quem os contratos estavam a terminar, a administração do Sousa Martins renovou por mais três meses, mas existem já em Outubro outros enfermeiros que vêm os seus contratos chegar ao fim.

Segundo o delegado do SEP, Joaquim Nércio, o Hospital da Guarda requereu 54 vagas para em breve admitir novos contratados, o que “satisfaz” mas “mantêm uma situação profissional de precariedade”.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Guarda: Cine-Estudio Oppidana exibe Ratatui em Outubro

Segunda-feira, 24.09.07

A programação do Cine-estudio Oppidana para Outubro arranca com o filme de animação Ratatui.

Um pequeno rato, com dotes para a culinária, que se torna num grande "mini-chefe" da cozinha parisiense.

A exibição de Ratatui está agendada para os dias 4, 5 e 6 de Outubro.

As sessões são de quinta a sábado às 21.30H, com matiné no dia 5 e 6, ás 16 horas.

A fechar o mês de Setembro, Evan - O Todo Poderoso, é exibido nos dias 27, 28 e 29.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Bombeiros de Vila Franca das Naves há 15 anos que esperam por um quartel

Sábado, 22.09.07

Os Bombeiros de Vila Franca das Naves, no concelho de Trancoso, não podem dizer que querem um novo quartel, mas sim que querem realmente, um quartel. Desde 1992, ano em que foi criado o corpo de bombeiros, que os voluntários de Vila Franca estão instalados literalmente num barracão sem condições de trabalho, segurança ou habitabilidade.

Passados 15 anos, os voluntários continuam a debater-se com a inexistência do quartel que tarda em se tornar realidade.

O terreno onde deve surgir a nova casa dos soldados da paz, já existe, o projecto também e a vontade da autarquia sempre foi assegurada. Tem faltado apenas a intervenção do Governo, mas recentemente foram dados passos importantes para que o tão desejado quartel seja finalmente uma realidade.

O presidente da câmara de Trancoso esteve reunido com Ascenso Simões, Secretário de Estado da Protecção Civil, de onde saiu com a garantia de que “o projecto será candidatado aos fundos comunitários do QREN”.

Júlio Sarmento, diz ser possivel que “já no próximo ano o quartel dos bombeiros esteja em construção”.

Rogério Castela, comandante dos voluntários de Vila Franca das Naves diz que “as perspectivas são boas e a solução encontrada, embora dependa de alguma regulamentação, vai avançar-se”.

O edifício que acolhe os voluntários desde 1992, está dividido em duas áreas distintas: uma que serve de parque de viaturas, e a outra, onde existe de forma bastante improvisada, a camarata do quartel e a sala de comunicações.

Em 2004, o projecto do quartel para os voluntários estava orçado em 700 mil euros. Os bombeiros de Vila Franca das Naves contam com 70 elementos, dos quais fazem parte 13 mulheres.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Comandante da GNR da Guarda vai partir em missão para a Bósnia

Quinta-feira, 20.09.07

O Major António Almeida, Comandante Interino do Grupo Territorial da GNR da Guarda vai participar numa missão na Bósnia.

António Almeida tinha efectuado candidaturas para diversas missões no estrangeiro e foi agora seleccionado para exercer funções de Conselheiro na área da Investigação Criminal.

Em substituição no Comando do Grupo Territorial da GNR, vai ficar o Major Cunha Rasteiro. A missão atribuída a António Almeida deve prolongar-se por um período de um ano.

A partida para a Bósnia está agendada para a próxima semana, mas ainda sem dia definido.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Marques Mendes em campanha na Guarda para as Directas do PSD

Quinta-feira, 20.09.07

Marques Mendes esteve ontem à noite na Guarda, onde jantou com mais de duas centenas de militantes.

A visita esteve associada às próximas eleições directas no PSD marcadas para 28 deste mês, onde o ainda actual lider vai defrontar Luís Filipe Meneses.

Num Hotel da cidade da Guarda, Marques Mendes lembrou que foi "ele" que deu a cara quando o partido passou por mais dificuldades e por isso "não teve adversário há dois anos".

Marques Mendes lembrou ainda que conhece a realidade do interior, sendo que ainda recentemente esteve num concelho fronteiriço do distrito da Guarda, tendo-se apercebido as dificuldades de quem não consegue competir com uma economia muito mais rentável e apelativa, na vizinha Espanha.

Na Guarda, Marques Mendes conta com o apoio do lider distrital do PSD, Álvaro Amaro, e tem como director de Campanha, João Mourato, autarca da Mêda.

No dia 26 é a vez de Luís Filipe Meneses reunir com os apoiantes da sua candidatura, na Guarda, à liderança do PSD.

Um embate entre dois candidatos à presidência do Partido Social Democrata já não acontecia nos últimos 22 anos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Mocho-de-orelhas libertado em Seia

Terça-feira, 18.09.07

Um Mocho-de-orelhas foi devolvido à natureza através do Centro de Interpretração da Serra da Estrela, em Seia.

A ave de rapina tinha sido entregue ainda em cria ao CERVAS - Centro de Ecologia, Recuperação e Vigilância de Animais Selvagens, que está instalado no Parque Natural da Serra da Estrela, para recuperação.

O tratamento passou por alimentação e adaptação com outras aves da mesma espécie que se encontram no CERVAS.

O CISE – Centro de Interpretação da Serra da Estrela procedeu agora à libertação do “bicho”, já em condições de voltar a integrar-se no meio natural.

O Mocho-de-orelhas (Otus scops) é a ave de rapina nocturna mais pequena da Península Ibérica, não ultrapassando os 22 centímetros de altura e pesando entre 65 e 145 gramas. Alimenta-se principalmente de insectos, podendo ocasionalmente caçar pequenos anfíbios e répteis. É uma ave muito ágil em voo e caça e encontra-se desde o nordeste de Africa até a Ásia, passando pela Europa mediterrânica.

A característica mais peculiar deste animal é a presença de uns pequenos penachos no cimo da cabeça assemelhando-se a duas orelhas, de onde deriva o seu nome.

Autoria e outros dados (tags, etc)



Visitantes, de onde?

Locations of visitors to this page

Visitantes

hit counters
hit counter


Comentários recentes





subscrever feeds



Pág. 1/3