Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



GNR aconselha idosos


Mais sobre mim

foto do autor


calendário

Outubro 2008

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031

Arquivo

  1. 2013
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2012
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2011
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2010
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2009
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2008
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2007
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Pesquisar

 



Obras do Novo Hospital da Guarda arrancam em 2009

Sexta-feira, 17.10.08

A ministra da Saúde acompanhou, na semana passada, o ministro da Defesa, Severiano Teixeira, na visita ao teatro de operações montado no Sabugal, onde esteve instalado também um Hospital Cirúrgico de Campanha do INEM, inserido no exercício Orion que ali se realizou.

Nesta deslocação ao distrito da Guarda, Ana Jorge falou sobre o novo Hospital da Guarda, deixando a garantia de que este estará no terreno em 2009.
“Penso que estamos a cumprir tudo o que foi prometido quando vim ao Hospital da Guarda há uns meses atrás”, frisou Ana Jorge, e quanto ao arranque das obras, a ministra explicou que o projecto terá de passar por uma fase de análise e “logo que esteja analisado pelos técnicos do Ministério, as obras irão começar”, garantiu.
Quanto a prazos, “as obras iram para o terreno no próximo ano”, até porque, “não houve deslizes nos tempos acordados, o projecto está, vai ser posto a concurso” disse a Ministra, adiantando que todo o processo que se segue será “agilizado” para ser executado “o mais rápido possível”.

 

Para 2009, as prioridades, segundo a Ministra, passam pela reforma dos cuidados de saúde primários, dos cuidados continuados e alguns programas de saúde. Ana Jorge acredita que não terá que fazer cortes, mas disse ser preciso “gerir melhor” o sector da saúde.

Autoria e outros dados (tags, etc)



Visitantes, de onde?

Locations of visitors to this page

Visitantes

hit counters
hit counter


Comentários recentes